terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Armazenar Fotos - A Missão


Feliz 2011 a todos!
Após a época de festas, sobram fotos digitais e resta a pergunta: qual a melhor maneira de armazená-las? Além disso qual seria o modo mais inteligente de compartilhá-las, com segurança, para que outras pessoas possam visualizá-las? 
Como solução, indico o Badongo!
Essa dica super interessante foi retirada do blog Dicas Interessantes!!!
As câmeras digitais revolucionaram a fotografia: não há mais limitações de filmes, negativos, álbuns de fotos, e além do mais, pouca gente gasta dinheiro revelando as fotos em papel: e quando isso ocorre, são selecionadas apenas as melhores fotos.
Daí decorre duas conseqüências básicas:
  1. o volume de fotografias digitais tende a ser cada vez maior, dado o aumento constante da capacidade de armazenamento dos cartões de memória, que guardam centenas ou mesmo milhares de fotos, dependendo da resolução;
  2. a maioria destas fotos não é impressa fisicamente: ficam armazenadas em seu disco de computador, ou em pendrives ou CD´s ou DVDs; e, portanto, dependem da fragilidade física destas mídias podem riscar, etc).
Afinal, computadores quebram, sofrem sobrecargas elétricas, pegam vírus, e precisam ser formatados, e nem sempre (quase nuca, aliás) o dono da máquina mantém uma cópia de segurança atualizada, ou mesmo usa um serviço de backup on-line automático como o Mozy.
O efeito colateral disso tudo é a perda definitiva de fotos da infância, de pessoas queridas que já se foram, entre outros... Mesmo os CD´s e DVD´s são “perecíveis” e podem estragar, com riscos, oxidação do material, ou mesmo “descascar” . Hoje, a nova “onda” da informática é a chamada “computação em nuvem” ou “cloud computing“, que são sistemas, recursos e aplicativos hospedados inteiramente na internet, pulverizados em diversos servidores, de maneira que se um falha os outros assumem seu lugar, daí a metáfora “em nuvem”, e a segurança conferida pela redundância do armazenamento em diversas máquinas diferentes.
Mas, vamos ao que interessa: e se você quiser apenas um disco virtual, sem limite de espaço ou tempo de armazenamento, para guardartodas as suas fotos digitais, para sempre, e, o melhor, sem gastar nada por isso?
Uma ótima opção, é o Badongo.
Você ganha um disco virtual totalmente grátis, com álbum virtual, compartilhamento das fotos, com tamanho ILIMITADO….
Ou seja, com o Badongo você poderá guardar de graça, com total segurança, sem risco de perdê-las, para o resto de sua vida.
O serviço inclui adicionalmente o armazenamento de qualquer tipo de arquivo (mas se não for baixado em 90 dias, o arquivo é deletado – o que não acontece com as fotos, que são guardadas para sempre).
Ainda assim, tal opção pode ser interessante para enviar arquivos grandes demais ou cujo envio não é permitido pela maioria dos servidores de e-mail, por razões de segurança, para evitar propagação de vírus (como extensão “.exe”, por exemplo).
É possível, pelo Badongo, guardas suas músicas em MP3, e tocá-las diretamente da internet, como sua própria rádio virtual.
Como não há limite de espaço físico para você armazenar suas fotos, em tese, você poderá guardar centenas de gigabytes e milhões de fotos – com toda a segurança e funcionalidades do serviço – gratuitamente!
Caso você não tenha interesse em compartilhar as fotos com outras pessoas, nem queira ter qualquer trabalho ou mesmo se lembrar de realizar cópias de backup, experimente a solução grátis oferecida pelo Mozy, que cuida de realizar as cópias de segurança de suas fotografias, e-mails e arquivos importantes, tudo automático e criptografado, protegido por senha, e com espaço virtual grátis de 2GB, podendo aumentar.
Não se esqueça: computadores são máquinas, então apresentam defeitos, são atacados por vírus, os HD´s quebram, e os pendrives podem ser perdidos ou ter seus dados corrompidos, assim como CDs e DVD´s.
Seja qual for sua opção, faça sempre cópias de segurança (backup) de dados e documentos eletrônicos importantes – no futuro você certamente irá agradecer por isso.

2 comentários:

  1. Não consegui baixar o conteúdo... Posso falar com vc por e-mail?
    Antônio

    ResponderExcluir
  2. Claro, Antônio!
    priscila@tonude.com.br

    ResponderExcluir